sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Ao mergulhar pense onde pode bater com a cabeça


Acho que damos pouca atenção àquilo que efectivamente decide tudo na nossa vida, ao órgão que levamos dentro da cabeça: o cérebro. Tudo quanto estamos por aqui a dizer é um produto dos poderes ou das capacidades do cérebro: a linguagem, o vocabulário mais ou menos extenso, mais ou menos rico, mais ou menos expressivo, as crenças, os amores, os ódios, Deus e o diabo, tudo está dentro da nossa cabeça. Fora da nossa cabeça não há nada...

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Relaxar é preciso

Imagem relacionada


A vida é curta para perdermos tempo nos preocupando com o que não nos acrescenta em nada.
Nem sempre é possível perceber e se dar conta de que certas coisas estavam indo por esse caminho...mas quando percebemos, é hora de tomar uma atitude e mudar essa situação.
Não precisamos de ser perfeitos...precisamos é de viver mais, de verdade.

sábado, 1 de julho de 2017

Os pedantes

Resultado de imagem para imagens antigas de pedantes
O pedante é um sujeito arrogante que faz questão de se envolver em ares de sabedoria superior. O pedante é um tolo pomposo que saiu para uma caminhada cerimonial sem saber que perdeu uma importante peça de roupa, ou seja, seu senso de humor. O pedante é um indivíduo enfadonho que, ao ter feito uma descoberta, fica tão impressionado com a revelação que é capaz de ficar seriamente desgostoso quando percebe que o mundo inteiro não se impressiona com o facto. Os pedantes sempre existiram ao longo dos séculos, mas que são uma praga, lá isso são.

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Ser feliz consome-nos muito...

Resultado de imagem para imagens gifs de felicidade
É assim tão longínqua a felicidade? No tempo, refiro-me à sua distância no tempo; em termos de perspectiva , não está longe nem perto, a felicidade é algo por que se espera, que se procura, e quando começas a cansar-te de esperar, o dono do local onde marcaste encontro com ela tem pressa em fechar o estabelecimento. À tua frente, a porta em direcção à qual ele te encaminha, e lá fora estende-se a noite que terás de enfrentar sozinho, a escuridão em que não queres mergulhar nesse negrume (isto metaforicamente falando).
Portanto escuridões à parte, a razão pela qual algumas pessoas acham tão difícil serem felizes é porque estão sempre a julgar o passado melhor do que foi, o presente pior do que é e o futuro melhor do que será.

sábado, 20 de maio de 2017

Braga Romana

As moedas romanas com imagens sexuais são conhecidas como spintriae e eram cunhadas em bronze ou latão no primeiro século da Era Cristã. O propósito de tais moedas não é ainda definido com clareza, mas especula-se que elas eram utilizadas nos bordéis em lugar das moedas usuais – que costumavam ter efígies de governantes. As spintriae foram encontradas em diversos locais diferentes que fizeram parte dos domínios romanos, o que sugere que eram amplamente adoptadas.
557746_386405404818413_1758091653_n1184761_386405461485074_1361101480_n1184897_386405471485073_22498330_n1185148_386405481485072_408094019_n1185514_386405334818420_229996099_n1231667_386405348151752_1262327141_n1233484_386405388151748_1522248970_n1235490_386405391485081_710382534_n1239045_386405344818419_1536616771_n

                           

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Janela da alma

“Quando abro a cada manhã a janela do meu quarto, é como se abrisse o mesmo livro, numa página nova.” Mário Quintana
 Resultado de imagem para imagens gifs de janelas       Abro as portas da minha mente e deixo fluir as luzes da imaginação pela janela da minha alma.

domingo, 9 de abril de 2017

Sacrificium

Resultado de imagem para imagens de farricocos bragaPor vezes o corpo humano pode ser comparado a uma criança mimada, aquela que deseja ter todas as suas vontades satisfeitas e, mesmo que isso ocorra, ela ainda é irritadiça, preguiçosa e indolente. Assim é o ser humano, assim é o corpo humano.

Esse lema está muito presente na sociedade moderna, que incentiva a busca desenfreada pelo prazer, pela satisfação de todos os desejos, representado pela “liberdade". Enquanto isso, o ser humano se torna cada vez mais vazio e menos resistente à dor.  

Na exigência de vida tudo é lícito, mesmo o artificial, e o artificial é às vezes o grande sacrifício que se faz para se ter o essencial, toda a espiritualidade é sobre aliviar o sofrimento.